Como minha família recebeu o iPad

Inspirado por um artigo do CTO da EMC sobre como o iPad foi recebido pela sua familia, resolvi aproveitar o dia das Mães, onde toda a familia estaria reunida,  para testar a receptividade que o novo brinquedinho do Steve Jobs teria. Já imaginava que eles iam gostar, mas fiquei impressionado com o quanto eles gostaram.

Emprestei um de um amigo e levei para casa no fim de semana. Logo no sábado tive que impor regras rígidas de tempo de uso para minhas filhas (6 e 10 anos). Elas sairam no tapa pelo direito de mexer o máximo de tempo com as aplicações mais interessantes para elas, o Virtuoso HD (piano), o U Connect (jogo), o Labyrint Lite (jogo), o Adobe Ideas (desenho) e principalmente o Pocket Pond (lago de carpas virtual com direito a esmagar umas libélulas).

No Domingo mostrei para minha vó de 86 anos que ficou encantada. Até escreveu seu nome no Adobe Ideas (ela é analfabeta e mal sabe escrever o nome) e queria saber se eu é que tinha inventado aquilo (quem dera…). Minha mãe exigiu que meu pai comprasse um para ela mesmo não sabendo bem para que, já que nunca sentou na frente de um computador. Meus tios e tias também se admiraram com a qualidade dos vídeos e do som, e com a praticidade do dicionário no iBook.

O problema foi tirar o iPad do meu sobrinho de 3 anos que entrou no time-slice com minhas filhas. Ele fez desenhos, tocou o piano e mudava de aplicações como se sempre tivesse feito aquilo.

A conclusão é que acabei involuntariamente vendendo mais alguns iPads para o Jobs sem ganhar comissão…

4 pensamentos em “Como minha família recebeu o iPad”

  1. Não acredito que perdi essa tio! Poode pedir emprestado pro seu amigo de novo porque eu total quero mexer no gadget mais legal do mundo! Minha mãe não vai me comprar um mesmo… heheh
    Bjss!

  2. Vai pro lado negro da força é? rs

    pra todo mundo, vc “esqueceu” de mencionar o preço do brinquedinho, certo?

    Abs,
    Shigueo

  3. Que nada, falei o preço ($499) e todos acharam até barato… o problema é o preço que vai ser aqui no Brasil para ter em português e com direito a comprar as aplicações sem precisar de um endereço nos EUA.

  4. Ahaaaan esqueceu de mencionar sua priminha que tb vai querer um se não for buscar diretamente, ainda este ano….bjs primo.

Os comentários estão desativados.